Apenas trezentos pagantes foram dia passado (15) ao Estádio (Tomatão) e viram no apagar das luzes mais uma derrota da equipe do Portela no campeonato Baíano de acesso
16/04/2018 16:34 em Esporte

Se você aproximar mais essa foto, der aquele famoso Zoom, verá nitidamente o ar de insatisfação no rosto da maioria dessas pessoas presentes na tarde passado, 15, no Estádio Tomatão.

A equipe da casa que necessitava de uma vitória para ainda sonhar com a possibilidade, mesmo que remota de se classifica para a disputa da vaga, mais uma vez decepcionou os pouco mais de 400 torcedores presente no Estádio.

A derrota para o Colo Colo pelo placar de 01 X 00 gol acontecido nos acréscimos, aos 47 minutos da etapa final, certamente deixou a maior parte da torcida indignada.

Mas eu não vejo motivo para tanta indignação, para quem não conhece de futebol talvez sim, mas para quem conhece, sabia que isso ia acontecer.

Os esforços e a determinação de Gerson Portela e de poucos apoiadores do Projeto, e aqui não se discute se ele está certo ou não, de procurar se isolar na direção do clube, sabíamos que não seria suficiente para enfrentar o poderio dos adversários de maior investimento e estrutura montada para brigar de igual para igual com os mais forte por uma das vaga nas grande finais.

A imprensa especializada e conhecedora do futebol, e o torcedor acostumado com o futebol profissional nao se iludiram com o projeto deste ano, e sabiam mais uma vez que não ia dar nada certo, agora o torcedor acostumado com o amadorismo, torneios e babás, junto com pessoas que acham que é imprensa esportiva, esses aí apostavam todas as fichas num projeto mal elaborado, sem dinheiro, estrutura, parcerias e consequentemente sem futuro.

Não é crítica que se faz aqui neste momento, até porque a imprensa esportiva que tem esse trabalho como profissão nao joga Futebol nem tira fotos ao lado de jogadores, ela apenas divulga, comenta e dá o seu parecer com conhecimento, do procedimento do trabalho das diretoria dos Clubes profissionais ou amadores, suas respectivas comissões técnicas e jogadores.

Essa imprensa profissional local e regional a qual me refiro, não tinha dúvidas que para o Portela este ano mais uma vez estava inviável disputar a tão sonhada vaga na elite do futebol da Bahia sem.planejamento antecipado de pelo menos seis meses.

Após seis rodadas veja a classificação:

PFC Cajazeiras - 12 pontos
Atlético de Alagoinhas - 11 pontos 03 de saldo
Conquista - pontos 02 gols de saldo.
Portela - 07 pontos 06 gols pró, 00 de saldo
Colo Colo - 07 pontos 05 gols pró, 00 saldo


Próximos compromissos do Portela

sábado, 21, PFC Cajazeiras lá.
sábado, 28, Atlético de Alagoinhas lá
sábado, 05 de maio, aqui, Galicia.
Encerramento dia 12 de maio, contra o Conquista lá.

Por isso não deve dar certo, quem sabe se um verdadeiro milagre acontecer.

Da Redação

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!