RPPN Estação Veracel anuncia reabertura após pandemia
15/06/2022 17:54 em Diversas

RPPN Estação Veracel anuncia reabertura após pandemia

Fotografia da RPPN Estação da Veracel. Eunápolis/BA. Foto divulgação Veracel (Ricardo Telles)

A maior Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) do Nordeste oferece atividades de educação e recreação ambiental e um programa de observação de aves. Os agendamentos de visitas estarão disponíveis a partir de 20 de junho

Eunápolis, 15 de junho de 2022 – A Estação Veracel reabrirá seu programa de visitas a partir do dia 20 de junho de 2022, após mais de dois anos fechada para visitação devido às restrições impostas pela pandemia. A reserva, criada e gerida pela Veracel Celulose, é a maior RPPN (Reserva Particular do Patrimônio Natural) de Mata Atlântica no Nordeste brasileiro e está localizada nos municípios de Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália, no sul da Bahia.

Além de ações pela proteção da biodiversidade e em prol do equilíbrio dos ecossistemas, a área abriga atividades de educação e recreação ambiental, utilizando a técnica de vivências com a natureza, na qual os visitantes podem ter o contato direto com a floresta. Em 2017, a Estação Veracel também deu início ao programa de observação de aves, que contribui para o fortalecimento do ecoturismo na região.

O programa de visitas na Reserva é realizado mediante agendamento e formação de grupos, pelo e-mail estacaoveracel@veracel.com.br ou pelo telefone (73) 3166 8755.

Mais informações sobre a Reserva

A Estação Veracel tem mais de 23 anos de história e papel fundamental para conservação do bioma Mata Atlântica no Sul da Bahia, sendo um polo irradiador de educação ambiental na região, com benefícios para toda a comunidade. Desde o início de suas atividades, já recebeu mais de 37 mil visitantes.

A RPPN fornece vários serviços ecossistêmicos, como a proteção de 115 nascentes, que abastecem as comunidades da região, e a promoção de ações para a conservação da biodiversidade.

É reconhecida pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura ) como uma das Reservas de Mata Atlântica que são consideradas Sítio do Patrimônio Mundial Natural, Também é considerada uma importante área de conservação de aves pela BirdLife International, organização ambiental com sede no Reino Unido, sendo que abriga espécies como a harpia (Harpia harpyja), uma das maiores aves de rapina do mundo, o crejoá (Cotinga maculata) e o pica-pau-de-coleira (Celeus torquatus), entre outras.

 
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!